Bem Vindos

quinta-feira, 19 de outubro de 2017

ADoT no World Skills 2017 - VI

Abu Dhabi, 18 Outubro 2017

O Media Center  sempre com grande azáfama...


O diário de língua inglesa "The National" tem sido o mais regular na divulgação do World Skills 2017, com reportagens diárias cobrindo vários aspetos do evento. Sobretudo, tem-se ocupado com algumas histórias pessoais de sucesso, sejam no desempenho das tarefas competitivas, seja no esforço humano de um ou outro competidor. É o caso de Huda Al Kaabi, uma jovem Emirate de 28 anos portadora de acentuada limitação física, que participa na competição de pintura, usando um computador programado para responder ao movimento dos seus olhos.





Outro caso, publicado no jornal The Gulf Today fala da primeira mulher engenheira a competir no World Skill, na categoria de Refrigeração e Ar Condicionado.

É esta uma missão que devia ser regra nas matérias tratadas pelos media embora, como sabemos, nem sempre acontece.


Tivemos oportunidade de conversar com um empresário Emirate, Diretor de uma instituição que desenvolve talentos, tendo com ele partilhado as experiências que na ADoT têm constituído o cerne da nossa atividade.

No que concerne à Mobile Robotic, o dia foi dedicado a uma prova, algo desconcertante pelo desafio colocado às equipas: na verdade, os competidores, de costas voltadas para a arena, manuseando um controle remoto que guiava o robot pelo labirinto, tinham o objetivo de procurar determinadas bolas e com a obrigação de as colocar na caixa específica identificada com o respetivo código.



Como é expectável, tratou-se de uma prova difícil a que só 7 equipas (Canadá, China, Coreia, Holanda, Japão, Russia e Emiratos Árabes Unidos) responderam a 100 % nas três mangas, isto é, lograram selecionar corretamente as 8 bolas em cada manga.

Os destaques vão, naturalmente para a equipa dos Emiratos, que como é sabido, é treinada pelo nosso sócio nº1 Tiago Caldeira, que conseguiu o pleno e a equipa representante do World Skills Portugal que, não tendo completado com sucesso, todavia foi conseguindo aumentar o score em cada uma das mangas.



Alegria da equipa Emirates... Jovens, Expert e Treinador 

A competição chegou ao seu fim, tendo todos os participantes confraternizado e foram alvo dos flashs dos media  presentes, sendo um momento de grande descontração e de empatia mútuos, dentro do espírito que constatámos reinar no World Skills.








 Evidentemente segue-se um período de alguma ansiedade pelo conhecimento dos resultados, os quais  envolvem alguma subjetividade em alguns itens... sendo estes divulgados na Cerimónia de Encerramento.

Os representantes da ADoT foram convidados a jantar com o Líder Team dos Emirates, oportunidade para ouvirmos boas referências à técnica ministrada por portugueses que têm sido uma mais valia para os talentos dos Emirados Árabes Unidos.     

Sem comentários:

Publicar um comentário