Bem Vindos

sexta-feira, 19 de março de 2010

Notícia In Jornal A GUARDA

In JORNAL A Guarda
de 18/03/2010


Nasceu a


Foi criada na Guarda, no início do ano, uma associação de direito privado sem fins lucrativos, que tem sede na cidade e que adoptou a denominação de Associação Desenvolver o Talento (ADoT).

Trata-se de um projecto que surgiu no seguimento do trabalho desenvolvido nos últimos 10 anos pelo Pólo da Guarda da APCS (Associação Portuguesa das Crianças Sobredotadas). A ADoT já tem os seus órgãos sociais constituídos e tem em funcionamento dois núcleos – o da Guarda (na Rua Augusto Gil, nº 5, 2º Andar, onde funciona a sede) e outro no Seixal.

A direcção da nova Associação é presidida por Maria Goreti Caldeira e a Assembleia-Geral é presidida por Sofia Mendonça Quaresma, que também é a coordenadora do núcleo do Seixal. A colectividade já tem 28 sócios e o sócio número 1 é o jovem Tiago Caldeira, com o qual começou o Pólo da Guarda da APCS.

“Faz todo o sentido dizer-se que a Associação Desenvolver o Talento assume a sua carta de alforria a partir da matriz, e do que representou, o Pólo da Guarda da APCS”, afirmou ao Jornal A Guarda Nabais Caldeira, assessor da direcção da ADoT. E acrescentou: “Justamente, foi o relicário de experiências e múltiplas vivências adquiridas em defesa dos direitos das crianças e jovens portadores de talentos e capacidades de excelência, que agora justifica enveredar por um caminho autónomo que, dando continuidade ao trabalho desenvolvido, revista uma nova abordagem da problemática do talento, de jovens e menos jovens, assumindo o propósito de apoiar e promover iniciativas destinadas a favorecer o desenvolvimento e responder às suas necessidades”.

Nabais Caldeia referiu que a associação irá manter as parcerias que já estavam formalizadas entre o Pólo da APCS e instituições da cidade, como é o caso da Fundação Augusto Gil, que permite a adaptação e o fabrico de brinquedos electrónicos para deficientes.

Ao assinalar os 10 anos de existência do Pólo da Guarda, através de uma exposição que decorrerá no Café Concerto do Teatro Municipal da Guarda, de 30 Março a 18 de Abril, far-se-á, simbolicamente, a “metamorfose” e apresentação pública da ADoT, adiantou o responsável.

Entretanto, duas equipas de jovens, com idades de 11 (Miguel Seabra), 14 (João Pedro) e 17 anos (Gil Azevedo), irão participar no FIRE-FIGHTING HOME ROBOT CONTEST (Mundial Robô Bombeiro) que vai realizar-se, em 10 e 11 de Abril, em Hartford (EUA). A comitiva sairá da Guarda no dia 6 e regressará a 13 de Abril, e participará no evento mundial com dois robôs: um robô com pernas e um robô normal.

No plano anual de actividades para 2010, entre muitas outras acções, a novel colectividade da Guarda irá dar continuidade ao Projecto CO(N)TACTO (adaptação de brinquedos electrónicos e construção de novos equipamentos); às actividades regulares (informática, robótica, introdução à robótica e dança); aos ateliers “Sábados dos Talentos” (felto – lã mágica, pintura, informática, culinárias, etc.); às visitas culturais e cientificas e à realização de fins-de-semana culturais e pedagógicos. A direcção também prevê organizar, possivelmente em Junho, uma exposição de artes plásticas “com pessoas que nunca tenham exposto” os seus trabalhos ao público.

Sem comentários:

Publicar um comentário